Palavra do Bispo

São Francisco Xavier: Padroeiro das Missões Universais e da Diocese de Itaguaí

Autor: Dom Frei José Ubiratan Lopes OFMCap

Dia 03 de dezembro, em tempo de Advento, celebramos a solenidade de São Francisco Xavier. Ele é o nosso Padroeiro desde que Itaguaí começou a nascer, era apenas uma Vila e os primeiros que aqui chegaram foram os Jesuítas. Eles vieram realizar Missões com os índios. Desde que chegaram, consagraram a Vila a este grande Missionário.

São Francisco Xavier é o Padroeiro das Missões Universais, assim como Santa Terezinha do Menino Jesus. Por que ele é considerado Padroeiro das Missões? Porque ele viveu de uma maneira heroica o Evangelho de Jesus e anunciou o Reino de Deus.

São Francisco Xavier era espanhol e nasceu em 1506 em Navarro. Aos 18 anos seu pai o enviou à Universidade de Paris para estudar Filosofia, onde se destacou por sua grande inteligência. Ainda muito novo se tornou professor daquela mesma universidade.Foi lá que se encontrou com Inácio de Loyola, que na época, estava organizando uma ordem que pudesse anunciar o Evangelho e se colocar a serviço e defesa da Igreja, a conhecida Companhia de Jesus. Francisco Xavier foi o primeiro seguidor de Santo Inácio de Loyola e se tornou oco-fundador da Ordem dos Jesuítas, espalhada por todo o mundo. Em 15 de Junho de 1537 é ordenado sacerdote.

Naquele tempo o governo português pediu que Inácio de Loyola cedesse alguns Sacerdotes para acompanhar os portugueses em missão à Goa na Índia. Um deles foi Francisco Xavier. Em 15 de março de 1540, parte de Roma para Lisboa, a caminho do Extremo Oriente, iniciando sua jornada missionária. Partiram em um navio com 900 pessoas. A viagem demorou um ano para à cidade de Goa. Hoje.com a facilidade do avião, até podemos jantar à noiteem Itaguaí e pela manhã tomar café do outro lado do oceano. Naquele tempo,eram muitas as dificuldades, mas mesmo assim, São Francisco Xavier ele foi um grande missionário. Na índia ele é venerado, pois divulgou o Cristianismo e batizou milhares de pessoas durante 10 anos.

Em carta, Francisco Xavier falava de sua entrega. Disse ele:“Notícias destas partes da Índia: faço-lhes saber que Deus nosso Senhor moveu muitos, num reino por onde ando a se tornarem cristãos, de modo que num mês batizei mais de dez mil pessoas. (…) Depois de batizá-los, mando derrubar as casas onde tinham seus ídolos e ordeno que rompam as imagens dos ídolos em pequenas partes. Acabando de fazer isto num lugar, dirijo-me a outro, e deste modo vou de lugar em lugar fazendo cristãos”.

Depois ele parte para o Japão, sendo o primeiro jesuíta em missão. No Japão, evangeliza, utilizando como canal as pinturas da Virgem Mariacom Jesus. Dessa forma, supera o grande desafio de comunicação e faz Jesus ficar conhecido. A Língua totalmente diferente não foi obstáculo, pois encontrou uma maneira didática e fecunda através da arte.

Ele desejava muito entrar na China, mas enfrentou muitas barreiras, assim como ele mesmo registrou: “Tende por certo e não duvideis que de modo algum, quer o demônio, que os da Companhia do nome de Jesus entrem na China” – escreveu em aos padres Francisco Pérez e Gaspar Barzeo em novembrode 1552. Também escreveu a Inácio de Loyola: “São muitos os que não se tornam cristãos, simplesmente por falta de evangelizadores e missionários…Como poderiam ouvir sem pregador”?

Com apenas 46 anos, enfraquecido, com grande angustia de saber que a China precisava de Jesus, mas sem conseguir lá chegar, foi acometido de uma febre muito alta. Padecendo de forme, de frio e outras privações, morre em 1552. Suas últimas palavras foram: “Em Vós espero Senhor! Não me abandoneis para sempre”!

Ele cumpriu sua missão de anunciar o Evangelho e assim fazer Jesus ser conhecido. São Francisco Xavier escreve uma carta para as pessoas de Paris e para o clero. Ele falava da necessidade de missionários para anunciar o Evangelho.  Tudo era difícil. Não havialivros e a Bíblia era limitada. E como ele evangelizava? Ensinava rezar o Pai Nosso, a Ave Maria e o Credo. Ele explicava essas orações e assim evangelizava e anunciava o nome de Jesus Cristo.  Assim,fez Jesus nascer na Ásia, sobretudo na Índia e no Japão.

Celebremos o Padroeiro Universal das Missões, que também é o Padroeiro de nossa Diocese. Todos nós recebemos da Igreja o apelo para sermosDiscípulos e Missionários:sacerdotes, leigos, casados, jovens, crianças, todos nós. Devemos então, viver nossa vocação de Missionários. Cada um à sua maneira, com seu dom. Precisamos evangelizar nas famílias, nos colégios, nas ruas, em todos os lugares.Não podemos guardar Jesus Cristo somente para nós! Precisamos anunciá-lO.Precisamos anunciar a Palavra que recebemos e colocá-la para frente, para nossos vizinhos, para nosso bairro, para nossas ruas, através da Catequese e de todas as Pastorais.

Nós, que somos batizados, devemos viver a vocação Missionária de anunciadores de Jesus Cristo.

São Francisco Xavier foi beatificado pelo Papa Paulo V no 25 de outubro de 1619 e canonizado pelo Papa Gregório XV em 12 de março de 1622, simultâneo com Inácio de Loyola.

Em 14 de dezembro de 1927 o Papa Pio XI proclamou Francisco Xavier, junto com Santa Teresinha do Menino Jesus, padroeiro universal das missões.

Queridos Irmãos e queridas irmãs, que São Francisco Xavier nos inspire na vivencia do Discipulado e da Missão. Que ele abençoe a cidade de Itaguaí, a nossa Diocese e as nossas famílias para que o Evangelho seja vivido e anunciado por todos nós e em todos os lugares.

Com minha Bênção pela intercessão de São Francisco Xavier.

 

Dom José Ubiratan Lopes

Bispo da Diocese de Itaguaí/RJ

 

 

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.requerido

*

* *